• Marcelo Pereira

Campos Harmônicos parte 1

Atualizado: Jun 17


O que é?

Campo Harmônico é o conjunto de acordes formados a partir das notas de uma determinada escala. Podem ser montados com tríades ou tétrades.

Pra que serve?

Para compor, para entender como as músicas foram compostas, para fazer arranjos, para analisar, para decorar músicas com rapidez, para transpor tonalidades com rapidez, para improvisar, etc...

Os principais tipos de Campos Harmônicos são:

- Campo Harmônico Maior

- Campos Harmônicos Menores (dividem-se em):

a) Campo Harmônico Menor Natural

b) Campo Harmônico Menor Harmônico

c) Campo Harmônico Menor Melódico

Este post é dedicado ao estudo do Campo Harmônico Maior, então vamos lá!

CAMPO HARMÔNICO MAIOR

Formado com as notas de uma escala maior qualquer. Pegamos o primeiro modo da escala maior, o modo Jônio. (Ver post do Modo Jônio)

Exemplo em dó maior.

Para montarmos um campo harmônico só com tríades, separamos escolhemos uma nota para ser a tônica e "separamos" as suas respectivas terças e quintas.

O resultado é:

Para fazer o campo harmônico com tétrades, basta acrescentar as sétimas correspondentes:

É importante para o baixista praticar o campo harmônico tocando os arpejos e os seus respectivos modos gregos:

Construa campos harmônicos em outras tonalidades, D, E, Ab, etc... É importante PRATICAR! Não descanse enquanto não conseguir construir campos harmônicos em TODAS as tonalidades. Lembre-se dos passo:

1 - Escolha uma escala (use o desenho do modo jônio para saber as notas desta escala)

2 - Separe tônica, terça e quinta para campos harmônicos só de tríades.

3 - Separe tônica, terça, quinta e sétima para campos harmônicos de tétrades.

4 - Toque os arpejos. Toque as escalas. Monte os acordes no baixo.

Harmonia para todos nós!

#Campoharmônico #Jônio

1,671 visualizações

MP

© 2014 Marcelo Pereira. Todos os direitos reservados. 

  • YouTube ícone social
  • Facebook Social Icon